terça-feira, 25 de outubro de 2011

EUA: Barack Obama anuncia medidas para refinanciar hipotecas

O presidente norte-americano, Barack Obama, anunciou na segunda-feira medidas para refinanciar as hipotecas das famílias com problemas e contrapôs ações do Governo pela inatividade crescente do Congresso.

"Os que não entendem as pessoas é porque alguns em Washington parecem não compartilhar o mesmo sentido de urgência que estas pessoas sentem nas suas próprias vidas", explicou Obama quando visitava o Nevada, oeste dos Estados Unidos.

O presidente disse não haver tempo para "esperar que um Congresso cada vez mais inoperante faça o seu trabalho".

Obama apresentou uma reforma do Programa de Refinanciamento que inclui o aumento dos prazos das hipotecas, das condições de acesso e a eliminação de alguns custos financeiros dos empre´stimos concedidos pelas companhias nacionalizadas como a Fannie Mae e Freddie Mae.

Barack Obama escolheu Las Vegas, no Nevada, uma das cidades mais afetadas pela crise imobiliária e onde o preço das habitações caiu 50 por cento desde 2008, para anunciar as novas medidas.

Muitas das condições para aceder a um refinanciamento da hipoteca exige que a perda de valor da habitação não ultrapasse os 25 por cento, pelo que muitas pessoas não puderam aceder a taxas de juro mais baixas impulsionadas pelo Governo Federal.

Com as novas medidas, a Casa Branca espera que um milhão de famílias aceda ao programa de refinanciamento.

Sem comentários:

Enviar um comentário