quarta-feira, 30 de junho de 2010

Mundial2010: José Mourinho defende Cristiano Ronaldo e diz que Simão falhou frente à Espanha

O técnico do Real Madrid, o português José Mourinho, afirmou hoje que não deixará que coloquem sobre Cristiano Ronaldo “a responsabilidade de uma equipa” e considerou que Simão falhou no encontro do Mundial2010 de futebol frente à Espanha.

Em declarações à Agência Lusa, Mourinho disse que da seleção portuguesa só fala “sobre Ronaldo e Pepe”, por serem seus jogadores no clube espanhol, e abriu uma exceção a Simão, depois do extremo luso, antes do jogo, ter comparado o Portugal-Espanha dos “oitavos” ao Inter-FC Barcelona da Liga dos Campeões da temporada passada.

“Por ser meu jogador (Ronaldo), tenho o direito de fazer o que não fiz desde o início do Mundial, um único e simples comentário: Nas minhas equipas, quando ganhamos, ganhamos todos, quando perdermos, perco eu… por isso Ronaldo pode estar tranquilo e gozar as suas ferias que na próxima época não deixarei que ninguém ponha sobre ele as responsabilidades de uma equipa”, disse Mourinho.

O técnico português lembrou que os “grandes jogadores fazem a diferença porque são melhores, mas as equipas são o suporte de tudo” e defendeu que a Espanha ganhou porque foi “foi melhor”.

“Porque foi melhor? Não me compete a mim abordar esse tema, não o quero fazer. Recusei muitas ofertas para comentar o Mundial e não gosto muito de me meter onde não sou chamado”, acrescentou Mourinho.

Um dia depois de Portugal ter sido eliminado do Mundial2010, o técnico português considerou ainda que Simão Sabrosa, que esteve no lance do golo de David Villa, falhou nas funções defensivas.

“Na seleção portuguesa só falo de Ronaldo e Pepe porque são meus jogadores. Mas, como o Simão fez antes do jogo analogias entre o Inter–FC Barcelona e o Portugal-Espanha, abro uma exceção para dizer que o E’too não falhou a jogar com defesa lateral, ele sim”, concluiu.

Ténis: Wimbledon - Checo Berdych elimina campeão Federer nos "quartos"

O checo Tomas Berdych, 13.º tenista do Mundo, eliminou hoje o suíço e detentor do título de Wimbledon, Roger Federer, no torneio de relva londrino, por 6-4, 3-6, 6-1 e 6-4.

O helvético, de 28 anos, tinha disputado as sete últimas finais da prova, conquistando o troféu por seis vezes, e tentava igualar o recorde do norte-americano Pete Sampras, que tem sete títulos.

Esta é a segunda vez seguida em que Federer “cai” nos quartos de final de um torneio “Grand Slam”, depois de ter conseguido alcançar uma série de 23 presenças em meias finais, interrompida pelo sueco Robin Soderling, na terra batida de Roland Garros.

Já Berdych, com 24 anos, atingiu pela primeira vez as meias finais de Wimbledon e pela segunda vez de um "Grand Slam", após ter chegado à mesma fase no torneio parisiense, há um mês.

Federer, vencedor de 16 títulos "Grand Slam", protagonizou uma série de erros de fundo do "court" e desperdiçou sete das oito bolas de quebra de serviço de que dispôs, enquanto Berdych concretizou quatro em seis.

Berdych vai agora defrontar o sérvio e terceiro favorito, Novak Djokovic, que deixou hoje pelo caminho Yen-hsun Lu, de Taiwan, por 6-3, 6-2 e 6-2.

Foto: Arquivo LW

Mundial2010: Carlos Queiroz desdramatiza Ronaldo, mas deixa alguns avisos

O selecionador de Portugal, Carlos Queiroz, desdramatizou hoje as declarações de Cristiano Ronaldo logo após a eliminação nos oitavos de final do Mundial em futebol, mas deixou alguns avisos aos jogadores.

“Enquanto estiver à frente da seleção, se o tamanho da camisola for pequeno demais para algum corpo, então não precisam de estar aqui”, considerou o técnico, numa conferência de imprensa que serviu de rescaldo à campanha portuguesa na África do Sul.

No final do jogo com a Espanha (derrota por 1-0), Cristiano Ronaldo disse aos jornalistas para falarem com Carlos Queiroz, quando desafiado a explicar o resultado com o vizinho ibérico.

“Em jogos desta intensidade é compreensível que apareçam algumas frustrações. Nestes momentos, pode acontecer que (as frustrações) não estejam suficientemente educadas para serem bem contidas”, avaliou o selecionador.

Apesar de insistir que “Portugal precisa de Cristiano Ronaldo e que Cristiano Ronaldo precisa da seleção”, Carlos Queiroz sublinhou também que não precisa de “conquistar amizades fáceis” com o jogador do Real Madrid: “só preciso ter o respeito dele”.

“Quero fazer dos jogadores melhores jogadores e também melhores pessoas. Se precisar de levar toda a minha vida para fazer perceber e ensinar que as frustrações têm de ser contidas, vou fazê-lo”, garantiu o treinador.

Carlos Queiroz voltou a lembrar que num Mundial, ou em qualquer outra competição internacional de seleções, ninguém está a representar-se a título pessoal, mas sim um país inteiro.

“Ninguém está acima da seleção e nunca irá estar enquanto eu aqui estiver. Só está cá quem quer. O amor e a vida têm a parte íntegra, mas também podem redundar na pornografia. Temos de escolher em que lado estamos e que princípios defendemos”, alertou.

Sobre outro dos temas que deu alguma polémica, a substituição de Hugo Almeida pouco antes da Espanha marcar o golo do triunfo, Carlos Queiroz pediu respeito, negando ter mentido quando justificou a opção pelo cansaço do avançado do Werder Bremen.

“Quando digo que um jogador está cansado, está cansado. Ao jogador compete dizer que não está. Não brinquem com a minha honra”, pediu o selecionador, voltando a relativizar a contradição de versões.

Quando questionado, no final do jogo, sobre a substituição de Hugo Almeida, um dos jogadores mais ativos no ataque português, por Danny, Carlos Queiroz justificou a opção pelo esgotamento físico do avançado, embora o jogador tenha dito, depois, que não se sentia cansado.

“Cristiano Ronaldo, Simão Sabrosa ou Hugo Almeida são do melhor que temos. Não vamos desistir de fazer deles melhores jogadores e pessoas. Quando forem referencias como Eusébio ou Pelé vou dormir mais descansado e com sentimento de missão cumprida”, conclui

Gráfico animado da Rede Globo garante que golo da Espanha contra Portugal é ilegal. Veja o video

Destaques da edição do jornal CONTACTO de 30 de Junho

(clique para ampliar)

Na edição desta semana, o jornal CONTACTO destaca na primeira página a abertura da época dos Festivais de Verão que arrancou no domingo, em Roeser, com a 5a edição do Rock-A-Field.

A morte violenta da filha de imigrantes portugueses residentes no Luxemburgo em Santa Comba Dão e as bodas de ouro sacerdotais de monsenhor Fernand Franck, arcebispo da Diocese do Luxembugo, são também destaque na capa do Contacto.

O aumento de 2,5% dos salários a partir de hoje e o encontro da confraria do Bucho de Arganil onde foram entronizadas figuras públicas luxemburguesas e portuguesa são temas em destaque nas páginas interiores.

O Dia Nacional do Grão-Ducado foi festejado na embaixada luxemburguesa, em Lisboa, com sabor a despedida. De partida para Bruxelas, o Embaixador luxemburguês, Alain Musyer, aproveitou a ocasião para agradecer a forma como foi tratado durante os seis anos em que permaneceu na capital portuguesa.

No desporto, fique a conhecer os potenciais candidatos ao título de campeão no Mundial da África do Sul e os erros de arbitragem que têm ensombrado a competição

Estas e outras notícias no Jornal CONTACTO, o seu semanário em língua portuguesa no Luxemburgo.

Ainda não recebe o CONTACTO em casa?

Para receber o jornal gratuitamente (exclusivamente para residentes no Grão-Ducado), inscreva-se no site oficial do jornal em
www.contacto.lu ou pelo tel. 4993-9393 (Departamento de Assinaturas).

terça-feira, 29 de junho de 2010

Mundial de Futebol: Espanha bate Portugal e acaba com o sonho lusitano


A selecção portuguesa de futebol caiu hoje nos oitavos-de-final do Mundial de 2010, ao perder por 1-0 com a campeã europeia Espanha, na Cidade do Cabo, na África do Sul.
Um golo de David Villa, aos 63 minutos, selou o desaire da formação das "quinas", que fez melhor do que em 1986 e 2002 (eliminações na primeira fase), mas ficou longe das meias finais, atingidas em 1966 (terceiro lugar) e 2006 (quarto).

O guarda-redes Eduardo acabou por ser o melhor elemento da formação portuguesa, que não tinha sofrido qualquer golo na primeira fase (0-0 com a Costa do Marfim e Brasil e, pelo meio, uma goleada por 7-0 à Coreia do Norte).
Na primeira parte Portugal acabou por fechar bem os espaços para a sua baliza graças a um bloco defensivo reforçado, mas um segundo tempo desastroso tacticamente acabou por ser fatal para as aspirações lusas.

Queiroz dizia antes do jogo que para se ganhar à Espanha era necessário correr riscos, mas no fundo o técnico português pouco ou nada fez nesse sentido. Eduardo, Fábio Coentrão e Ricardo Carvalho foram os melhores do lado português num jogo em que Cristiano Ronaldo foi praticamente transparente. Esta derrota não pode deixar de constituir uma decepção para todos os portugueses. Não pela derrota em si, mas pela imagem de impotência e resignação que a nossa selecção deixou em campo, sobretudo na etapa complementar.

Nos quartos de final, a Espanha defronta o Paraguai, no sábado, a partir das 20h30, no Estádio Ellis Park, em Joanesburgo.

Portugal - Espanha no Mundial2010: Embate ibérico impróprio para cardíacos


Portugal tem hoje o mais difícil obstáculo ao seu sonho de conquistar o Mundial2010 de futebol, quando defrontar a campeã europeia Espanha, nos oitavos-de-final, na Cidade do Cabo.

Após a pragmática qualificação para a segunda fase, com dois nulos (Costa do Marfim e Brasil) e uma goleada sobre a Coreia do Norte (7-0), a selecção portuguesa chega à fase a eliminar como a única equipa sem golos sofridos na prova.

Nas duas anteriores presenças na segunda fase de um mundial, Portugal apenas caiu nas meias finais e o selecionador português, Carlos Queiroz, já assumiu o desejo de chegar pelo menos a essa fase.

A defesa portuguesa tem estado em destaque e tem frente à Espanha o seu derradeiro teste, pois terá pela frente jogadores como David Villa, que já marcou três golos, ou Fernando Torres.

Depois de ter alterado a equipa frente ao Brasil, Carlos Queiroz poderá voltar a surpreender, sobrando dúvidas em todos os setores do terreno.

Na defesa, Paulo Ferreira e Miguel lutam pelo lugar de defesa direito, enquanto no meio campo Pedro Mendes deverá render Pepe, ainda sem ritmo para um jogo desta importância, podendo Deco regressar à equipa se Carlos Queiroz apostar no 4-4-2.

No ataque, apenas Cristiano Ronaldo tem lugar garantido, com Simão em vantagem no duelo com Danny – que está tocado –, ficando Liedson ou Hugo Almeida à espera que Portugal actue em 4-3-3.

Na Espanha, não parecem existir grandes dúvidas, sendo que apenas na esquerda da defesa poderá haver uma alteração, com Arbeloa a substituir Capdevilla, para marcar Ronaldo.

O encontro, que se disputa no Estádio Green Point, na Cidade do Cabo, terá arbitragem do argentino Hector Baldassi.

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Alemanha: Responsáveis conservadores propõem testes de inteligência para imigrantes

Responsáveis do partido conservador da chanceler alemã, Angela Merkel, defenderam hoje a exigência de testes de inteligência aos candidatos a imigrantes na Alemanha, segundo declarações hoje publicadas no jornal diário alemão Bild.

“Devemos introduzir critérios que sirvam verdadeiramente o nosso Estado. Além de uma boa formação e de uma qualificação profissional, a inteligência deve entrar em consideração. Eu defendo testes de inteligência”, afirmou ao jornal Bild Peter Trapp, membro da CDU de Angela Merkel.

“Esta questão não deve ser mais um tabu”, adiantou o porta-voz para os Assuntos internos da secção de Berlim da CDU.

Esta proposta “é aberrante”, “discriminatória” e “também não revela ser muito inteligente”, reagiu o porta-voz adjunto do Governo alemão, Cristoph Steegmans, durante uma conferência de imprensa em Berlim.

Um outro responsável conservador, Markus Ferber, membro da CDU, da secção bávara da CDU, também defendeu o exemplo canadiano, afirmando ser favorável a uma harmonização da política de imigração europeia.

“O Canadá é bem mais avançado na matéria e exige dos filhos dos imigrantes um quociente intelectual mais elevado que o das crianças locais. As razões humanitárias como o reagrupamento familiar não podem ser a longo prazo o único critério para a imigração”, adiantou Ferber.

Como outros parceiros europeus, a Alemanha impõe testes de língua aos candidatos à aquisição de nacionalidade alemã, mas também testes que se destinam a provar conhecimentos de ordem social e jurídica alemã, e para os quais há cursos específicos de instrução cívica.

Em 2009, 734 000 pessoas emigraram e 721 000 imigraram da maior economia europeia, principalmente polacos e romenos.

No início dos anos 2000, mais de 800 mil pessoas por ano emigraram para a Alemanha, segundo estatísticas oficiais alemãs.

Fado: Candidatura a património imaterial da UNESCO formalizada hoje

A cantora de fado, Ana Moura, no programa "Portugal no Coração" da RTP, transmitido a partir da place Guillaume II, na cidade do Luxemburgo, por ocasião das comemorações do 10 de Junho, em 2005


A candidatura do fado a património imaterial da Humanidade é hoje formalizada junto da comissão nacional da Unesco, disse o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, António Costa.

O autarca falava à saída de uma reunião com o Presidente da República, no Palácio de Belém, onde apresentou a Cavaco Silva os pressupostos da candidatura.

António Costa afirmou que “a candidatura foi bem acolhida pelo Presidente da República” pelo que passará a contar com o alto patrocínio do chefe de Estado.

Para o autarca, este é um ponto “importante” havendo agora que desenvolver todo um outro trabalho, nomeadamente no campo diplomático.

Acompanhavam António Costa a vereadora da Cultura, Catarina Vaz Pinto, a presidente da Assembleia Municipal, Simonetta Luz Afonso, os vereadores Ruben de Carvalho, João Navega e António Carlos Monteiro, Sara Pereira e Rui Vieira Nery, da comissão científica da candidatura, e o fadista Camané.

A reunião com o chefe de Estado durou cerca de uma hora, tendo António Costa confidenciado que Cavaco Silva é “um apreciador” de fado.

Foto: Manuel Dias

UE/Telecomunicações: Baixa de preços no ‘roaming’ e limite ao preço da Internet entram em vigor na quinta-feira

Os preços das chamadas em ‘roaming’ nos telemóveis baixam na quinta feira na União Europeia (UE), quando entra ainda em vigor um limite de preços no acesso à Internet que, salvo escolha do cliente, é de 50 euros mensais.

A partir de dia 01 de julho, o preço máximo de uma chamada feita em ‘roaming´ passará a ser 39 cêntimo por minuto (sem IVA), em vez dos atuais 43.

Os telefonemas recebidos custarão, no máximo, 0,15 euros por minuto (sem IVA), em vez de 0,19 euros, uma redução de 73 por cento em relação aos preços de 2005, ano em que a UE decidiu regular os preços do “roaming” nos telefones móveis.

O preço das mensagens curtas de texto (SMS) manter-se-á nos 11 cêntimos por envio.

Outra novidade é a entrada em vigor de um limite de custos no acesso à Internet por telemóvel ou computador, que, salvo outra indicação do cliente, é de 50 euros mensais (sem IVA).

Os operadores terão de enviar aos utilizadores um aviso quando as despesas atingirem 80 por cento do limite.

O preço máximo de dados em ‘roaming’ baixará de um euro para 0,80 euros por megabyte.

“Não haverá mais surpresas desagradáveis nas faturas dos turistas ou dos viajantes por motivos profissionais que navegam na Internet com telemóveis ou computadores portáteis quando se encontram noutro país da UE”, disse a comissária europeia para a Agenda Digital, Neelie Kroes.

“A UE está igualmente a impor uma diminuição do custo das chamadas em ‘roaming’ para quem viaja. Estou empenhada em tornar os mercados das telecomunicações da UE mais concorrenciais”, acrescentou.

Com estas medidas, os utilizadores deixarão de receber faturas que podem atingir milhares de euros por terem telecarregado música ou visto vídeos nos seus telefones ou computadores quando se encontravam noutro estado-membro, sem se aperceberem do respetivo custo.

Em julho de 2011 haverá nova baixa de preços, sendo que as tarifas máximas do ‘roaming’ passarão para 0,35 euros por minuto nas chamadas efetuadas e 0,11 euros nas chamadas recebidas no estrangeiro.

Foto: Marc Wilwert

G20: UE clama vitória no final da cimeira

A União Europeia clamou vitória no final da cimeira do G20 em Toronto, considerando que os seus pontos de vista foram em grande parte adotados pelos dirigentes dos países ricos e emergentes que participaram na reunião.

"A UE veio a Toronto com uma ordem de trabalhos clara. O resultado da cimeira reflete uma ampla convergência em torno da perspetiva europeia”, afirmaram numa declaração comum os presidentes da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, e do Conselho Europeu, Herman van Rompuy.

A justeza das políticas de austeridade anunciadas desde o início do ano na Europa, que suscitaram alguma inquietação nos Estados Unidos e entre os países emergentes, foi reconhecida pelo G20, que apelou para uma redução dos défices “favorável ao crescimento”.

"Os esforços da UE em prol da estabilização e do crescimento foram bastante bem acolhidos em Toronto”, congratularam-se ainda van Rompuy e Barroso.

"As economias avançadas adotaram planos orçamentais que reduzirão a menos de metade os défices até 2013 e estabilizarão ou reduzirão a dívida pública relativamente ao PIB até 2016”, refere o texto da declaração final da cimeira do G20.

A chancheler alemã, Angela Merkel, congratulou-se com esta resolução:

“É mais do que eu esperava, é um êxito”, sintetizou.

sábado, 26 de junho de 2010

Luxemburgo/A1: A partir de segunda-feira, 28 de Junho, obras no túnel de Howald - vão durar seis meses

A partir de 28 de Junho e até 11 de Novembro adivinham-se seis meses de engarrafamentos na auto-estrada A1. É que durante esse período o túnel de Howald vai estar em obras de renovação e a administração das estradas "Ponts & Chaussées" vai fechar uma faixa de cada lado da auto-estrada.
Em média, 60 mil veículos atravessam diariamente o túnel de 450 metros de comprimento, ou seja, três vezes mais do que aquando da sua construção nos anos 90. Na época em que foi construído as normas de segurança não eram tão rigorosas como actualmente, pelo que é necessário fazer certas obras de forma a cumprir a regulamentação. Sistema de ventilação, cablagem resistente ao fogo e iluminação indicando a distância das saídas de emergência são alguns dos melhoramento a instalar.
Além disso, vai ser preciso recuperar algumas fissuras no betão e uma certa corrosão nas partes metálicas. As obras serão efectuadas num túnel de cada vez, sendo todo o trânsito desviado para o outro túnel. Como as alternativas a este itinerário são poucas e já estão sobrelotadas a certas horas do dia, os automobilistas vão ter que se dotar de reservas extras de paciência para passarem pelo túnel.
Deixar o carro em casa e apanhar um transporte público poderá ser a solução.
O custo previsto das obras é de 5,5 milhões de euros, dos quais 3,12 milhões para equipamento electromecânico e 1,31 milhões para a protecção catódica.

sexta-feira, 25 de junho de 2010

Luxemburgo: Saldos começam amanhã e prolongam-se até 10 de Julho


Chegou o Verão e com ele os saldos e a oportunidade de fazer boas compras durante este período, que decorrem no Luxemburgo até 10 de Julho.
O comércio revitaliza o negócio e tem uma oportunidade para esgotar stocks, abrindo espaço para as novas colecções.
O bom tempo vai propiciar uma dinamização das vendas de artigos de Verão. A escolha de roupa, sapatos, carteiras, fatos de banho e muitos outros produtos próprios para esta época deverá ser suficiente para satisfazer o apetite dos consumidores.
Na cidade do Luxemburgo, as lojas da zona penonal e circundantes estarão abertas no próximo domingo das 14 às 18h.
As lojas da cidade de Esch/Alzette também vão estar abertas no próximo domingo, até às 21h, e o centro comercial Belval Plaza até às 18h.

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Luxemburgo: STATEC confirma indexação salarial a 1 de Julho

O instituto de estatísiticas luxemburguês, STATEC, confirmou esta tarde a indexação automática salarial já para o início do próximo mês. Salários e pensões vão aumentar 2,5%.

"Congé linguistique" - 480 pedidos de trabalhadores

O "congé linguistique" para aprender luxemburguês já foi requerido por 480 trabalhadores, desde Fevereiro de 2009, data da aprovação do regime pelo Governo.
Segundo as informações reveladas esta manhã pelo ministro do Trabalho, a maior parte dos trabalhadores que requereu esta regalia trabalha no sector da saúde.

Desemprego continua a baixar

Pelo quarto mês consecutivo, a taxa de desemprego no Luxemburgo continua a baixar e registou em Maio deste ano 5,7%, contra os 6% registados em Abril.
Os números foram revelados esta manhã pelo ministro do Trabalho Nicolas Schmit, que revelou ainda que durante o mês passado sairam da situação de desemprego 673 pessoas.
Ainda assim, actualmente no Luxemburgo 13 438 estão em situação de desemprego.

Luxemburgo campeão do consumo de bebidas alcoólicas

A notícia repete-se sempre que sai um estudo sobre o consumo de álcool no país.
Hoje, as agências de notícias dão conta de mais um que revela que o consumo anual de bebidas alcoólicas (vinho, cerveja ou bebidas espirituosas) no Luxemburgo ronda os 15,6 litros por adulto, o que coloca o Grão-Ducado à cabeça da lista dos países que mais álcool consomem, seguido da Irlanda e da Húngria.

Arte: "Bebedor de absinto" de Picasso leiloado por mais de 42,1 milhões de euros

O presidente da leiloeira Christie's Europe, Jussi Pylkkanen, posando ao lado do retrato d'Angel Fernandez de Soto de Pablo Picasso

“O bebedor de absinto”, um famoso quadro de Picasso que retrata Angel Fernandez de Soto, seu amigo de juventude, foi ontem vendido num leilão da Christie’s, em Londres, por mais de 42,1 milhões de euros.

O quadro foi vendido num leilão de arte moderna e impressionista que incluía outras obras de Picasso, bem como trabalhos ilustres de Monet, Renoir, Matisse, Magritte, Van Gogh e Klimt.

Nesta obra, Picasso mostra o seu amigo sentado à mesa com um grande copo de absinto, a bebida favorita de muitos artistas da “Belle Époque”, desde Henri de Toulouse-Lautrec a Paul Gauguin ou Vincent Van Gogh ou mesmo poetas como Baudelaire, Rimbaud ou Verlaine.

Picasso conheceu Fernandez de Soto em 1899 no famoso café “Els quatre Gats”, em Barcelona, que era à época o centro de encontro de artistas e boémios. O seu dandismo fez dos dois artistas amigos inseparáveis.

Foto: Arquivo LW

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Destaques da edição do jornal CONTACTO de 24 de Junho

(clique para ampliar)


Na edição desta semana, o CONTACTO faz manchete com a morte de José Saramago. Nas páginas interiores, fique a conhecer o percurso deste invulgar escritor, o único em Portugal a receber o prémio Nobel da Literatura.


Nesta edição evocamos também a polémica em torno de um email de teor alegadamente xenófobo dirigido contra os portugueses que teve origem na Polícia luxemburguesa. Os propóstios da mensagem do correio electrónico indignaram a comunidade portuguesa, chegando mesmo a suscitar reacções dos dois deputados portugueses, Paulo Pisco do PS e Miguel Macedo do PSD, eleitos pelo círculo da Europa.


O CONTACTO acompanhou ainda a visita do ministro da Administração Interna de Cabo Verde ao Luxemburgo. Lívio Lopes instou os cabo-verdianos a participarem no recenseamento eleitoral no estrangeiro, de modo a poderem votar nas eleições legislativas e presidenciais de 2011 em Cabo Verde.


No desporto, destaque para a goleada de 7-0 da Selecção Nacional frente à Coreia do Norte no campeonato do mundo de futebol na África do Sul. Veja as fotos e reacções dos portugueses residentes do Luxemburgo durante os festejos logo após o apito final do jogo.


Estas e outras notícias no jornal CONTACTO, o seu semanário em língua portuguesa no Luxemburgo.

Ainda não recebe o CONTACTO em casa?

Para receber o jornal gratuitamente (exclusivamente para residentes no Grão-Ducado), inscreva-se no site oficial do jornal em www.contacto.lu ou pelo tel. 4993-9393 (Departamento de Assinaturas).

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Mundial2010: Uma goleada para abrir as portas dos oitavos de final

A seleção portuguesa ficou hoje mais perto da segunda fase do Mundial2010 de futebol, ao golear a Coreia do Norte, por 7-0, a maior goleada de sempre de Portugal em fases finais.

Depois do descolorido nulo frente à Costa do Marfim, Portugal, sem Deco, mas com um inspirado Tiago, que marcou dois golos (60 e 89 minutos), deu um passo de gigante para os oitavos de final.

Aos 29 minutos, Raul Meireles fez o primeiro golo de Portugal na África do Sul, seguindo-se tentos de Simão (53), Hugo Almeida (56), Liedson (81) e Cristiano Ronaldo (87), que quebrou um ‘jejum’ de mais de 16 meses.

Com este triunfo, Portugal isolou-se no segundo posto do Grupo G, com quatro pontos, menos dois que o Brasil e mais três que a Costa do Marfim e quatro que a Coreia do Norte.

Com este triunfo, Portugal isolou-se no segundo posto do Grupo G, com quatro pontos, menos dois que o Brasil e mais três que a Costa do Marfim e quatro que a Coreia do Norte.

O selecionador português, Carlos Queiroz, disse que “foi um grande dia para Portugal”, sublinhando que “a ambição tem de ser ainda mais sólida para a próxima etapa”.

“Estamos mais próximos, sem dúvida, mas não queremos sofrer golos contra o Brasil, porque põe em causa o prestígio e porque estaríamos a marcar golos para os outros. Fizemos uma grande exibição”, salientou.

Cristiano Ronaldo recebeu o prémio de melhor jogador em campo, mas tanto o camisola 7 como Queiroz elegeram Tiago como ‘homem do jogo’, tendo o selecionador dito que o médio foi “brilhante”.

Foto: Arquivo LW

domingo, 20 de junho de 2010

Adeus Saramago: Cavaco Silva garante que cumpriu obrigações de Chefe de Estado

O Presidente da República desvalorizou hoje “alguma polémica estéril” gerada em torno da sua atuação em relação à morte de José Saramago, garantindo ter feito o que lhe competia como chefe de Estado.

Em declarações aos jornalistas na ilha de S. Miguel, onde hoje termina quatro dias de férias, Cavaco Silva sublinhou que aquilo que o chefe de Estado deve fazer é “diferente daquilo que deve ser feito pelos amigos ou deve ser feito pelos conhecidos”.

“O que um chefe de Estado deve fazer é diferente daquilo que deve ser feito pelos amigos ou deve ser feito pelos conhecidos. Devo dizer que nunca tive o privilégio na minha vida, se me recordo, de alguma vez conhecer ou encontrar José Saramago”, declarou o Presidente da República.

Cavaco Silva referiu que na sua qualidade de chefe de Estado emitiu uma “uma nota oficial prestando homenagem à obra literária de José Saramago e ao seu contributo para a projeção da cultura portuguesa no Mundo”, enviou uma coroa de flores e promulgou o decreto de declaração de dois dias de luto nacional.

“Hoje de manhã o meu chefe da Casa Civil e o meu chefe da Casa Militar apresentaram sentidas condolências aos familiares de José Saramago”, acrescentou.

Interrogado sobre se os restos mortais do Nobel Português devem ir para o Panteão Nacional, disse tratar-se de uma matéria da competência da Assembleia da República.

Recordou ter sido o Parlamento que decidiu a recente trasladação para o Panteão dos restos mortais de Aquilino Ribeiro, o que aconteceu décadas depois da sua morte.

O Presidente da República justificou ainda a sua permanência de férias em S. Miguel, apesar da morte de Saramago, com a importância que para ele tem a palavra dada.

“Todos os portugueses sabem que desde quinta feira à noite estou nos Açores, em S. Miguel, cumprindo uma promessa que fiz há muito tempo a toda a minha família, filhos e netos, de lhes mostrar as belezas desta região”, declarou.

Cavaco Silva recordou, também, o seu apelo recente para que os portugueses “não deixem de conhecer a riqueza paisagística, a riqueza cultural e histórica do nosso país até antes de conhecerem outras partes do mundo e os Açores tal como a Madeira têm algo que não deve deixar se ser conhecido”.

“Eu quis que desde o neto de mais tenra idade à neta mais com mais anos e os filhos também tivessem oportunidade”, acrescentou.

Adeus Saramago: Louçã apela ao Presidente da República para esquecer "mesquinhez do passado" e estar no funeral

O líder do Bloco de Esquerda (BE), Francisco Louçã, apelou hoje ao Presidente da República, Cavaco Silva, para que se faça representar no funeral de José Saramago, esquecendo a “perseguição política” contra o escritor protagonizada por um Governo seu.

Num jantar comício realizado hoje em Portimão, Louçã considerou que Saramago “foi um homem de convicções e de literatura”, que fez dele uma referência cultural “universal”, e, por isso, o chefe de Estado deve deixar para trás o passado e estar nas cerimónias fúnebres.

“Houve um Governo de Cavaco Silva e um secretário de Estado cujo nome o país não recorda que atacou a sua obra por perseguição política, e nessa altura, (Saramago) escolheu viver em Lanzarote (Espanha), mantendo as suas pontes com Portugal”, lembrou Louça.

O líder do Bloco afirmou que, “passado esse passado, o presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, não deve deixar nenhuma névoa que permita qualquer confusão com aquilo que foi a mesquinhez de atitudes do passado”, quando o seu Governo censurou um dos livros do prémio Nobel, o Evangelho Segundo Jesus Cristo.

“É preciso generosidade e o reconhecimento de que José Saramago, por cima de todas as diferenças, é uma figura para a cultura nacional, europeia e universal e por isso deve ser respeitado e homenageado no dia do seu enterro, em que nos despedimos dele, que é o dia amanhã (domingo)”, acrescentou Francisco Louça.

O líder do BE disse não querer crer que “a névoa do passado possa ainda marcar a posição de qualquer responsável político”, apesar do “percurso que foi a luta de José Saramago pelas suas convicções e pela literatura” que deixou.

“Por isso deixo aqui um apelo ao Presidente da República para que faça sentir a sua presença no respeito que o último dia de José Saramago merece entre nós e em que nós todos lá nos sentiremos representados”, apelou Louçã, sublinhando a importância literária e política do escritor.

Na segunda parte do seu discurso, o dirigente do Bloco de Esquerda criticou “as políticas de austeridade do Bloco Central”, considerando que têm por objetivo “acabar com os direitos sociais, promover o desemprego e atacar os mais pobres e desfavorecidos”.

Louça prometeu que o Bloco será “mais partido” e terá “mais organização” como forma de cativar mais pessoas para a luta contra as políticas de austeridade, cujas consequências são “o aumento de impostos e do desemprego”.

“Este verão, todos os dias de julho e agosto, o Bloco vai realizar comícios por todo o Portugal para puxar pessoas para esta luta”, afirmou o dirigente, criticando ainda o seguimento por parte dos governos europeus, nomeadamente o de José Sócrates, “das políticas decretadas pela (chanceler alemã Ângela) Merkl e por (Nicolas) Sarkozy”, presidente francês.

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Ministro da Administração Interna de Cabo Verde visita Luxemburgo na próxima semana

O ministro da Administração Interna de Cabo Verde vai estar no Luxemburgo a partir de segunda-feira para uma visita de quatro dias,.

Lívio Lopes vai encontrar-se com a diáspora cabo-verdiana no Luxemburgo esta segunda-feira, a partir das 18h30, no Liceu Técnico de Bonnevoie, na capital.

O objectivo é informar os imigrantes cabo-verdianos sobre o recenseamento eleitoral no estrangeiro e "inteirar-se do processo de instalação de equipamentos adequados para o efeito na Embaixada de Cabo Verde", informa o comunicado daquela chancelaria.

Mais informações junto da Embaixada de Cabo Verde no Luxemburgo, pelo tel. + 352 26 48 09.

Morreu José Saramago 1922-2010

Saramago foi Prémio Nobel da Literarura em 1998

O prémio Nobel da Literatura português, José Saramago, morreu hoje aos 87 anos na Ilha de Lanzarote, em Espanha.

A Fundação José Saramago confirmou em comunicado que o escritor morreu às 12h30 na sua residência de Lanzarote "em consequência de uma múltipla falha orgânica, após uma prolongada doença. O escritor morreu estando acompanhado pela sua família, despedindo-se de uma forma serena e tranquila".

Ténis: Wimbledon - Michelle Brito defronta campeã Serena Williams na primeira ronda

A portuguesa Michelle Brito, 144.ª do ranking, vai defrontar na primeira ronda do torneio de ténis de Wimbledon a norte-americana Serena Williams, detentora do título e líder do ranking mundial, ditou o sorteio hoje realizado.

Michelle Brito entrou no quadro principal da segunda prova do “grand slam” na condição de segunda suplente devido a duas desistências.

A tenista norte-americana, primeira favorita, eliminou na última edição da prova a portuguesa Neuza Silva, na primeira ronda.

Michele Brito e Serena Williams já defrontaram uma vez, no torneio de Standford, com a norte-americana a vencer em três “sets”, pelos parciais de 4-6, 6-3 e 6-2.

No quadro masculino, Frederico Gil, 97.º do ranking mundial e que teve entrada direta, vai defrontar o espanhol Fernando Verdasco, nono da hierarquia e oitavo cabeça de série, que nunca defrontou.

O torneio de Wimblendon disputa-se de 21 de junho a 04 de julho.

Foto: Arquivo LW

Ameaça de bomba no Luxemburgo - última hora - actualizada


A polícia bloqueou esta manhã os acessos à Avenida Montrey a e ao Boulevard Joseph II, no Luxemburgo, por suspeita de ameaça de bomba.

O alerta foi dado pelos transeuntes que estranharam a presença de um saco de um computador abandonado perto do Consulado francês, na capital.
Chegada ao local a polícia mandou evacuar por precaução três edifícios.

Na área onde foi encontrado o saco situa-se tambem a Sinagoga judaica na cidade.

Recorde-se que esta semana é a segunda vez que a polícia é chamada a intervir por suspeita de uma bomba. Na passada terça-feira, perto da Gare, a polícia também mandou evacuar vários edifícios e cortou o acesso à Place de la Gare, no Luxemburgo por ter sido encontrado no local um saco abandonado.

Até ao momento, a polícia ainda não revelou quaisquer pormenores sobre a operação.


Associação Cultural da Bairrada promove festa de solidariedade

A festa anual de solidariedade da Associação Cultural da Bairrada no Luxemburgo (ACBL) decorre no fim-de-semana de 3 e 4 de Julho, no Parque Galgebierg, em Esch-sur-Alzette.

Nos dois dias, a animação musical estará a cargo da Banda Paulo de Oliveira e pelos grupo de dança "Onda Jovem", "Onda Choc". O folclore também vai marcar presença na festa com o grupo "Províncias de Portugal".

Em ano de jogos do Mundial, a organização vai instalar um ecrã gigante no recinto da festa.

As recitas da festa vão ser entregues a um deficiente tetraplégico da freguesia de Real, em Braga.

As entradas são gratuitas para todos, assim como o estacionamento.

Curso Intensivo de Francês- inscrições abertas

O centro de Formação Lucien Huss vai organizar um curso intensivo de francês destinado a pessoas que não dominam a língua.
O curso realizar-se-á quatro vezes por semana, de segunda a quinta-feira, das 18 às 21 h, de 5 de Julho a 5 de Agosto.
Inscrições pelo tel. 26 56 16 92, pelo email cflh.asbl@gmail.com , ou no Centro de Formação Lucien Huss, na capital (5, Avenue Marie Thérèse, bloco A, 1o andar), entre as 9 e as 12 h e das 14 às 18 h.

Luxemburgo: Carolina Teixeira Lopes e as duas filhas já regressaram a casa

Carolina Teixeira Lopes e as duas filhas, Monica e Sarah, que se encontravam desaparecidas desde terça-feira, já regresaram a casa sãs e salvas.

Em comunicado, a Polícia Grã-Ducal, não adianta mais pormenores sobre o reaparecimento desta família residente em Pétange.

Foto: Polícia Grã-Ducal

Luxemburgo: E-mail de teor alegadamente xenófobo proveniente da polícia contra portugueses está a indignar comunidade

Um e-mail de teor alegadamente xenófobo dirigido contra os emigrantes portugueses no Luxemburgo, e que terá tido origem na polícia luxemburguesa, está a indignar a comunidade portuguesa, tendo o Governo luxemburguês instaurado um inquérito.

No e-mail, os autores desafiam os luxemburgueses a partir “ilegalmente para o Paquistão, Afeganistão, Iraque, Nigéria, Turquia ou PORTUGAL”.

“Quando entrarem no país exija às autoridades locais assistência médica gratuita para si e para toda a sua família”, “Insista para que todos os funcionários da Caixa de Saúde falem luxemburguês”, “Pendure uma bandeira do seu pais ocidental na janela” e “Conduza sem carta de condução” são outros dos desafios propostos no e-mail.

Para terminar, os autores do texto afirmam que “No Luxemburgo TUDO ISTO é POSSÍVEL porque somos governados por idiotas politicamente corretos”.

Na quarta feira, a deputada de Os Verdes luxemburgueses Camille Gira interpelou o Governo sobre este texto, que terá tido origem e sido distribuído por elementos da polícia luxemburguesa, tendo o Executivo do Luxemburgo decidido abrir um inquérito.

Entretanto, o deputado do PS português pela Europa Paulo Pisco já escreveu uma carta ao embaixador do Luxemburgo em Lisboa, a quem pede para “transmitir ao Governo do Grão-Ducado" a sua "indignação e repúdio pelas palavras ofensivas” do e-mail.

“Os portugueses no Luxemburgo são um elemento essencial da sociedade luxemburguesa. Estão bem integrados e são um contributo decisivo para a criação de riqueza” no país, disse à Lusa.

Entretanto, o dirigente associativo no Luxemburgo Coimbra de Matos classificou o e-mail como uma “brincadeira de mau gosto que não deveria ser executada por pessoas de responsabilidade”.

Afirmando ter um conteúdo “ofensivo para os portugueses”, Coimbra de Matos acrescentou que esta é “uma situação muito grave que não deveria acontecer num país de direito”.

Contactada pela Lusa, fonte do gabinete do ministro do Interior do Luxemburgo, Jean-Marie Halsdorf, confirmou a interpelação escrita que a deputada luxemburguesa dos Verdes Camille Gira fez quarta feira ao governante sobre o e-mail.

No entanto, a conselheira do ministro do Interior Andrée Colas explicou que o e-mail que “foi reencaminhado por, pelos menos, dois elementos da polícia luxemburguesa, não era propriamente um texto xenófobo ou racista”.

“O texto desafia os luxemburgueses a irem viver em outros países [entre os quais Portugal] para perceber se também seriam tão bem tratados e acolhidos como o são as comunidades imigrantes no Luxemburgo nesta condições”, explicou a responsável.

Andrée Colas adiantou que o ministro do Interior do Luxemburgo “reagiu de imediato à interpelação e já falou com o diretor da polícia luxemburguesa”, tendo-lhe pedido uma “investigação interna do caso”, uma vez que há suspeitas de que o e-mail poderá ter tido origem na própria polícia do Luxemburgo.

O Ministério Público do Luxemburgo também já foi contactado e está a desenvolver as diligências necessárias, acrescentou a mesma fonte.

Foto: Tessy Hansen

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Crescimento económico deverá ser melhor do que o previsto

O STATEC e o Banco do Luxemburgo reviram em alta as previsões económicas para o Luxemburgo. A economia luxemburguesa deverá crescer 3% em 2010 e 2011.

As previsões agora anunciadas são mais favoráveis à economia luxemburguesa, mas ainda assim inferiores à média anual registada nos últimos anos. Segundo o STATEC este crescimento deverá atenuar a evolução dos preços e dos salários.

O STATEC reviu ainda as suas previsões para o desemprego. O organismo de estatísticas do Luxemburgo garante que vão ser criados de mais postos de trabalho no país, mas não prevê uma diminuição da taxa de desemprego nos próximos dois anos.

Presidenciais: Deputado do PS Defensor de Moura pondera avançar com candidatura alternativa a Alegre

O deputado socialista Defensor de Moura, ex-presidente da Câmara de Viana do Castelo, está a ponderar avançar com uma candidatura presidencial alternativa à de Manuel Alegre.

“Estou a ponderar uma candidatura a Presidente da República. Tenho recebido muitos apoios dentro do Grupo Parlamentar do PS e fora dele. Nos próximos dias anunciarei a minha decisão”, disse à agência Lusa o ex-presidente da Câmara de Viana do Castelo.

Defensor de Moura recusou-se a esclarecer à agência Lusa quem no Grupo Parlamentar do PS o apoia, assim como se já contactou o líder socialista, José Sócrates, sobre a sua possível disponibilidade para protagonizar uma candidatura alternativa à de Manuel Alegre.

“Já tenho feito muitos contactos, mas não quero falar em nomes”, justificou.

Defensor de Moura apenas adiantou que, na sequência da decisão do PS de apoiar formalmente a candidatura presidencial de Manuel Alegre, começou a receber “incentivos” no sentido de avançar com uma alternativa.

“Primeiro não levei a sério essas conversas. Mas, como a insistência foi grande, agora estou a ponderar”, justificou.

Luxemburgo proíbe batata transgénica

O Luxemburgo vai proibir o cultivo da batata transgénica Amflora, anunciou o ministro da Saúde Mars Di Bartolomeo, na quarta-feira passada durante colóquio "A segurança no meu prato", na Abadia Neumünster, no bairro do Grund, na capital.

Di Bartolomeo recorda que a comercialização deste organismo geneticamente modificado (OGM) foi autorizada a 2 de Março deste ano pela Comissão Europeia chefiada por Durão Barroso, "sem que as críticas de vários Estados-membros, nomeadamente o Luxemburgo, fossem tidas em conta".

O ministro da Saúde sublinha que o Luxemburgo sempre se mostrou reticente quanto à cultura dos OGM, "uma vez que inocuidade destes organismos não é objecto de consenso no seio da comunidade científica".

No ano passado a 23 de Março, o Luxemburgo proibiu o cultivo do milho transgénico MON810 da multinacional americana Monsanto.

Em relação à proibição da batata transgénica Amflora, a sua proibição deve-se à presença de um gene resistente aos antibióticos que não permite garantir a sua inocuidade.

Também a Áustria, com quem o Luxemburgo se concertou em relação a este dossiê, decidiu proibir o cultivo da batata Amflora.

Foto: Arquivo LW

Luxemburgo: Carolina Teixeira Lopes e as duas filhas desapareceram

Carolina Teixeira Lopes e as duas filhas, Monica e Sarah, encontram-se desaparecidas desde terça-feira.

Residente em Pétange, Carolina, fala português e francês, tem 34 anos, mede 1,70 m e tem cabelos castanhos semi-longos com madeixas louras.

Em relação às filhas, Monica, cinco anos de idade, mede cerca de 1 metro, tem cabelos castanhos claros encaracolados e exprime-se em luxemburguês, francês e português. Sarah, a mais nova, tem um ano de idade, mede 70 centímetros e tem cabelos lisos.

A Polícia de Differdange apela às pessoas, que possam ter informações sobre o seu paradeiro, para ligar para o 113.

Foto: Polícia Grã-Ducal

quarta-feira, 16 de junho de 2010

José Trindade vai receber medalha de mérito do Luxemburgo


O presidente do Centro de Apoio Social e Associativo (CASA) vai ser condecorado pelo Governo luxemburguês pelo trabalho realizado à frente da associação, durante as comemorações da festa nacional do Luxemburgo.

José Trindade vai receber a medalha de mérito do Grão-Ducado na próxima segunda-feira, no Ministério da Família. O dirigente associativo já foi condecorado pelo Estado português com o título de comendador de Portugal.

Com sede em Clausen, na capital luxemburguesa, a associação foi fundada há 30 anos e é activa na área social, prestando apoio jurídico e informação a imigrantes portugueses. Além disso, divulga o folclore e a cultura popular portuguesa.

A festa nacional luxemburguesa tem lugar a 23 de Junho, feriado no Luxemburgo, mas as comemorações começam na véspera.

Foto: Tessy Hansen

Luxemburgo: Aguarelas de Vítor Vieira no Instituto Camões, a partir de hoje

Vítor Vieira inaugura hoje, pelas 18h30, a exposição de pintura “Aguarelas" no Instituto Camões, 8 bld. Royal, na cidade do Luxemburgo.

A mostra estará patente até 7 de Julho.

Vítor Vieira nasceu em Guimarães em 1951. Aguarelista de formação autodidacta, iniciou a sua actividade como ilustrador de publicações e periódicos, tendo-se dedicado à aguarela a partir de 1979. Em 1983 expõe pela primeira vez em Lisboa. Desde essa data, toma parte em diversas exposições individuais e colectivas. Está representado em várias colecções públicas e privadas, tanto em Portugal como no estrangeiro. È membro do GAP, “Grupo de Artistas Portugueses".

Para informações adicionais, contactar o IC, pelo tel 46 33 71 - 1 (ou pelo e-mail: geral@instituto-camoes.lu).

Edição do CONTACTO de 16 de Junho de 2010

(clique na imagem para ampliar)

A prostituição no Luxemburgo é o tema em destaque nesta edição do jornal CONTACTO. Por detrás dos anúncios de prostitutas nos jornais escondem-se algumas portuguesas e brasileiras, e o negócio corre bem à hora da missa. Segundo os testemunhos recolhidos, há clientes que aproveitam a altura em que as mulheres vão à missa para recorrer à prostituição. Falámos com prostitutas e associações de apoio aos profissionais do sexo no Luxemburgo para traçar o retrato da prostituição no Luxemburgo.


E se de repente soubesse pelo Facebook que era comendador de Portugal? Foi o que aconteceu ao presidente da associação amizade Portugal-Luxemburgo. Guy Reger foi agraciado por Cavaco Silva no Dia de Portugal, mas soube da notícia pela rede social na internet. Fique a conhecer a história no CONTACTO desta semana e veja as fotos das comemorações do Dia de Portugal no Luxemburgo.

Para ver ainda, muitas fotos também do Mundial e um calendário dos jogos em português nas páginas centrais do jornal.

-------------------------

Ainda não recebe o CONTACTO em casa?

Para receber o jornal gratuitamente (exclusivamente para residentes no Grão-Ducado), inscreva-se no site oficial do jornal em www.contacto.lu ou pelo tel. 4993-9393 (Departamento de Assinaturas).

terça-feira, 15 de junho de 2010

Mundial2010: Portugal empata a zero com Costa do Marfim - demasiado receio de ambas as equipas estragou espectáculo

Portugal e Costa do Marfim “empataram-se” hoje (0-0) na ambição de chegar aos “oitavos” do Mundial de futebol de 2010, numa abertura do Grupo G aquém das expetativas e em que os prudentes lusos revelaram grandes dificuldades.

Ambas as equipas revelaram durante demasiado tempo (primeira parte) mais receio de perder do que ambição e determinação para ganhar.

Um dos mais aguardados espetáculos da primeira jornada ficou, assim, prejudicado, pois os conjuntos têm potencial para bem mais e melhor: a Portugal exigia-se paciência no ataque, mas a verdade é que a teve mais a defender, sentindo muitos problemas para criar desequilíbrios na frente.

A Costa do Marfim, de Sven-Goran Erikson, revelou-se um poderoso oponente, à base de jogadores de grande compleição física e dotados de uma técnica avançada, que lhes permitiu assustar mais vezes e esconder a bola dos “navegadores”.

Para a estreia, Carlos Queiroz apostou no habitual sistema “4x3x3” com uma nova “asa” esquerda composta por Danny e Fábio Coentrão, que “sentaram” no banco os habituais titulares Simão e Duda, respetivamente.

Na Costa do Marfim, Erikson, que fez a equipa alinhar em modelo semelhante, destacou-se a ausência de Didier Drogba, a recuperar de uma lesão no braço direito.

Demasiado receio em jogo de estreia

Quando duas equipas revelam demasiado respeito pelo adversário, o produto final ressente-se: na primeira parte sobrou luta, longe das áreas, mas faltou a emoção e o espetáculo.

Portugal apenas se “mostrou” uma vez, numa “bomba” de Cristiano Ronaldo (11 minutos), a 30 metros, devolvida pelo poste direito, mas, depois de controlar, foi desaparecendo progressivamente, não voltando a incomodar.

Inicialmente fechada, a Costa do Marfim foi-se libertando – sem nunca perder rigor e agressividade defensivas – e chegou mais vezes perto da baliza lusa, começando em remates de Siaka Tiene (14 minutos) e Ismael Tiote (17), que erram o alvo.

Os pupilos de Queiroz corriam mais quilómetros, mas já não conseguiam segurar a bola, nem aproximar-se da área: as equipas eram muito rígidas e não concediam espaços.

Tapados ao intervalo os muitos buracos na relva, foi a Costa do Marfim a surgir mais perigosa com Gervinho (47 minutos) a obrigar Eduardo a defesa para canto, na sequência do qual Tiote, sozinho na área, foi incapaz de cabecear para o golo. Gervinho assustou mais duas vezes, mas sem sucesso.

Portugal também parecia mais rápido e afoito, mas foi Eduardo novamente atento a segurar remate de Kalou (54 minutos), à entrada da área: no minuto seguinte, Simão rendeu Danny (55) e Tiago ocupou o lugar de Deco (62), mas foi a entrada de Drogba (66) que levou o estádio ao rubro.

O jogo estava mais bonito, partido e aberto, Portugal ia chegando à área, mas continuava com problemas para criar perigo, limitando-se a remates inconsequentes de Raul Meireles (71 e 78 minutos) e a um livre de Cristiano Ronaldo (80).

No fim, Portugal, já com o estreante Ruben Amorim no lugar de Raul Meireles, tremeu, principalmente quando Drogba surgiu em posição privilegiada para marcar, mas fez o impensável e, em esforço, acabou por chutar para o lado.

Cristiano diz que foi "falta de sorte"

Cristiano Ronaldo, eleito o melhor hoje em campo, falou em “falta de sorte”, após o empate com a Costa do Marfim.

“Acho que a equipa esteve bem. Não ganhámos porque não tivemos sorte”, disse Ronaldo.

“Perdemos margem de erro? Não, está tudo em aberto e temos de continuar assim”, frisou.

Sobre o jogo, o extremo luso disse que “a Costa do Marfim teve medo de Portugal”.

“Sabíamos que a Costa do Marfim não ia atacar muito. Alargaram o jogo na segunda parte, mas estavam com medo de nós”, sintetizou.

Queiroz: "Não quisemos correr muitos riscos"

Carlos Queiroz, considerou hoje “justo” o empate com a Costa do Marfim. Queiroz disse que “Portugal assumiu sempre o jogo”, enquanto a “Costa do Marfim só tentou defender e sair em contra-ataque”.

“O empate acaba por ser justo. Portugal dominou e controlou o jogo e foi a equipa que apresentou mais vontade de ganhar. É um resultado justo”, disse Queiroz.

O seleccionador português explicou que a ideia lusa era não “correr muitos riscos na primeira parte” e tentar depois “aparecer nas costas dos defesas adversários”.

“A Costa do Marfim resguardou-se no primeiro tempo e apareceu depois mais fresca na segunda parte. Fizemos um jogo inteligente, contra uma equipa que procurou sempre defender”.

Queiroz quer agora “vencer a Coreia do Sul”, a 21 de junho, da mesma forma “que queria vencer hoje”.

Do lado da Costa do Marfim, Eriksson elogiou o trabalho defensivo da sua selecção e explicou que, agora, é “fundamental” vencer o Brasil.

“Sabíamos que este grupo era muito difícil e que o sorteio tinha ditado esta sequência de jogos. Vamos continuar a trabalhar e esperar o apuramento”, disse Eriksson.

Foto: Lusa

Mundial2010: Port Elizabeth pintada com as cores nacionais

“É tudo vermelho e verde, um bom sinal”, resume Glória Monteiro, uma das “muitas centenas de madeirenses” que hoje invadiram Port Elizabeth para ajudar Portugal a vencer a Costa do Marfim na estreia no Mundial2010 de futebol.

O dia amanheceu em tempestade, a meio da manhã o sol surgiu tímido, entretanto ganhou confiança e os portugueses logo se espalharam pelas ruas trajados orgulhosamente com as cores nacionais, em sinal de “apoio inequívoco” à equipa de Carlos Queiroz.

“Só interessa a vitória, não importa por quantos”, frisa Carlos Ribeiro, residente em Joanesburgo e que promete apoiar a seleção das Quinas também nos desafios com Coreia do Norte e Brasil, “sempre acompanhado do filho”, que veio de Lisboa para partilhar esta aventura.

Edgar diz que “é mesmo importante ganhar o primeiro encontro” e acredita que “se Danny for titular, vai fazer um bom jogo, pois é o jogador em melhor forma”.

“Se o relvado estiver um pouco ensopado, quem joga no estrangeiro talvez se adapte melhor”, acrescentou, considerando que “ficar nos quatro primeiros do mundial é o mínimo exigível” a esta seleção.

Pai e filho estão cientes da importância de Didier Drogba na equipa da Costa do Marfim, mas garantem que Portugal não tem de se preocupar com a maior estrela do futebol africano: “Eles podem pôr lá 11 Drogbas, mas são na mesma apenas 11 jogadores”.

A quatro horas do desafio que se disputa às 16:00 (15:00 em Lisboa), as imediações do Estádio Nelson Mandela Bay estão ainda praticamente desertas – a instabilidade climatérica e ausência de espaços comerciais assim o justificam -, pelo que os portugueses se concentram na longa marginal.

Nas zonas mais comerciais, sobram os lusos com fé inabalável na seleção e, no caso dos imensos madeirenses, no seu filho pródigo Cristiano Ronaldo.

“Senhor Queiroz e Cristiano Ronaldo por favor têm de ganhar hoje. 1-0, 2-0, três ou quatro, não estou preocupado. Para bem da África do Sul, dos meus primos e minha família”, apelou o “sempre bem disposto” insular Leonardo Pereira.

A jovem Nádia Ferreira veio de Durban e não fica satisfeita com menos de 4-0, “com todos os golos do Cristiano Ronaldo, o meu ídolo”.

A contrastar a euforia lusa, que promete destacar-se no colorido do Nelson Mandela Bay, nas ruas não se vêm adeptos da Costa do Marfim, que seguramente terá um apoio inferior, a menos que conte com a solidariedade dos anfitriões também africanos.

Se o tempo ajudar e caso Portugal triunfe sobre a Costa do Marfim, a calma Port Elizabeth entrará na rota das cidades mais festivas do Mundial2010.

Refugiados: Século XXI será "século das pessoas em fuga" - António Guterres

O Alto Comissário das Nações Unidas para os Refugiados, António Guterres, advertiu hoje que o século XXI “será o século das pessoas em fuga”, apelando a um debate internacional para se enfrentar este desafio.

Em discurso no 10.º Simpósio sobre Proteção aos Refugiados da Academia da Igreja Protentante, em Berlim, o ex-primeiro ministro português lembrou que, atualmente, há 43 milhões de refugiados em todo o mundo a precisar de proteção.

As grandes tendências globais, como o desenvolvimento demográfico, a urbanização, a escassez de víveres e de água potável, de matérias primas, e sobretudo as mudanças climáticas, “agudizam situações de conflito e obrigam as pessoas a abandonar as suas pátrias”, advertiu.

Depois de revelar que o Alto Comissariado da ONU para os Refugiados aumentou as suas atividades em 50 por cento nos últimos quatro anos, Guterres sublinhou que, “ao contrário do que políticos populistas querem fazer crer”, oito em cada dez refugiados vivem em países em vias de desenvolvimento.

Os primeiros 25 lugares da lista dos países que acolhem mais refugiados são ocupados por países em desenvolvimento, e só no 26.º posto surge um país industrializado, a Alemanha.

Em África, vivem 40 por cento dos refugiados de todo o mundo. “Estamos perante uma injustiça, originada pelas mudanças climáticas, porque os que são menos responsáveis e têm menos recursos são os mais atingidos” pela drama dos refugiados, afirmou.

Neste contexto, o Alto Comissário apelou à União Europeia para unificar o seu direito de asilo político, lembrando que no total dos 27 países que a constitutuem foram acolhidos, em 2009, 286 700 refugiados, e só a África do Sul acolheu 222 mil, no mesmo período.

“As taxas de admissão de pessoas em busca de asilo político estã praticamente no zero em alguns países europeus, enquanto noutros países as taxas de admissão superam os oitenta por cento, embora em função da origem das pessoas”, lamentou.

Guterres alinhou ainda os três grandes desafios que se colocam ao ACNUR, o primeiro dos quais é o crescente número de conflitos duradouros, como no Afeganistão, na Somália ou no Congo.

O segundo grande desafio é a redução do espaço de manobra humanitário, nomeadamente devido à proliferação do banditismo, que causou três vítimas mortais entre fuincionários do ACNUR, nos últimos seis meses.

O último grande desafio é a erosão do espaço de asilo político, acompanhado por “tendências preocupantes”, como a xenofobia, o racismo e a crescente indiferença perante o drama dos refugiados, alertou o Alto Comissário.

Durante a visita à capital alemã, Guterres avistar-se-á, hoje e na quarta feira, com membros do governo, com o presidente do parlamento e com presidentes de comissões parlamentares.

Principal objetivo da visita é convencer a Alemanha a ter um papel de liderança no processo de harmonização do direito de asilo político no espaço europeu, como afirmou Guterres na sua intervenção.

Mundial2010: "Portugal não é favorito" diz Cristiano Ronaldo no site da FIFA

Cristiano Ronaldo reafirmou que Portugal não é favorito na África do Sul, mas avisa que as equipas menos favoritas também podem ser campeãs mundiais de futebol, em entrevista ao site da FIFA.

“Não, como disse antes do Campeonato do Mundo, não somos favoritos. Mas isso não quer dizer que as equipas menos favoritas não possam ser campeãs mundiais. Julgo que algumas das seleções que estão neste Mundial têm algo a mais do que Portugal, isso não é segredo, mas nós vamos dar uma luta enorme. Vamos dar o nosso melhor e, assim, qualquer coisa pode acontecer”, referiu o avançado português.

Ronaldo sublinhou ser um “privilégio” e um “orgulho” ser capitão da seleção de Portugal: “O que é preciso para comandar uma equipa? Julgo que, antes de mais, não devemos de mudar a nossa maneira de ser por causa disso e, acima de tudo, temos de ser totalmente honestos”.

O “capitão” destacou ainda o espírito de boa camaradagem no seio da equipa: “Os meus colegas conhecem-me muito bem, tal como eu os conheço a eles e corre tudo às mil maravilhas. Somos um grupo de grandes camaradas, grandes amigos, uma verdadeira família. Só assim podemos ganhar e ter sucesso".

Na véspera da estreia de Portugal no Grupo G, frente à Costa do Marfim, Ronaldo recorda que grande parte da equipa nunca jogou em campeonatos do Mundo, podendo ser este um fator extra de motivação.

“Estamos todos muito felizes. Grande parte da equipa portuguesa nunca jogou num Mundial e, por isso, o entusiasmo é enorme. Além disso, estamos confiantes de que vamos jogar muito bem, que vamos fazer uma excelente competição. Felizmente, está tudo a correr bem”, sustenta.

O jogador português comentou ainda a estreia de África na organização de campeonatos do mundo de futebol: “Sim, claro que é diferente… É o primeiro Mundial realizado em África e, bem mais importante do que isso, joga-se no Inverno. Mas, desde que chegámos, a nossa experiência tem sido brilhante e julgo que vai ser assim até ao último jogo da competição”.

Além de elogios ao selecionador Carlos Queiroz, com quem trabalhou no Manchester United, a “estrela” da turma das “quinas” agradeceu o apoio que a seleção tem sentido desde a sua chegada à África do Sul.

“Os adeptos... Ah, claro que sabíamos que íamos ter aqui muitos portugueses a apoiarem a seleção e isso deixa-nos muito felizes. Ter um apoio extra quando estamos dentro do campo é crucial. Por isso, gostava de aproveitar esta oportunidade para agradecer todo o apoio que nos têm dado até este momento”.

Portugal: Sindicato dos Enfermeiros suspende três dias de greve

O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) decidiu segunda-feira à noite suspender a greve que tinha convocado para terça, quarta e quinta-feira, depois de uma ronda negocial sobre a carreira que decorreu no Ministério da Saúde.

Mundial2010: Queiroz convicto que selecção vai "orgulhar" portugueses

O seleccionador Carlos Queiroz manifestou segunda-feira a convicção de que a selecção vai honrar hoje Portugal frente à Costa do Marfim, na estreia portuguesa do Mundial2010 de futebol.

“Tenho a certeza que o Cristiano Ronaldo e todos os jogadores vão ser motivo de orgulho para todos os adeptos da equipa nacional”, vincou o técnico, na antevisão da estreia no Grupo G.

Queiroz diz que “já acabou o tempo de preparação” e que todos os futebolistas estão agora “com grande vontade de jogar e expressar o futebol que têm dentro deles”.

“Estão todos bem. Estamos com uma vontade enorme de jogar. É tempo de jogar, acabou o tempo de preparação. Nunca mais vem a hora do jogo. Há grande vontade de ir para dentro do campo, libertarem-se, correr. Temos um espírito fantástico, qualidade, passe, drible, um contra um, uma equipa organizada e sobretudo 23 jogadores com muita vontade de fazer o melhor por Portugal”, frisou.

O optimismo de Queiroz também se justifica pelo trabalho que realizou: “Depois da preparação que fizemos, tenho absoluta confiança de que os nossos jogadores estão aptos para todos os jogos. Incluindo, naturalmente o Cristiano Ronaldo como ‘capitão’ de equipa e referência nacional e internacional”.

Luxemburgo: Jean-Manuel Simões expõe fotos sobre hooligans, a partir de hoje no Grund

O fenómeno do hooliganismo é o tema que o fotógrafo luso-francês Jean-Manuel Simões (re)trata numa exposição que vai estar patente ao público na Abadia de Neumünster a partir de hoje e até 4 de Julho.

A exposição apresenta várias fotos de hooligans britânicos dos anos 1980 e conta em particular a história de Marc Chester, ex top-boy e chefe de uma banda de hooligans e que se tornou hoje um homem de negócios e autor de sucesso no Reino Unido.

Nascido em 1964 na região de Paris, Jean-Manuel Simões começou a sua carreira de fotógrafo em 1998 e colabora actualmente com jornais como o Le Monde, Le Figaro, L’Express, Telerama ou o semanário português Expresso.

Em 2005, a sua reportagem fotográfica sobre o "periférico" de Paris (auto-estrada circular em torno da capital francesa) é premiada em Angers. No ano seguinte, é o seu trabalho sobre Nicolas Sarkozy que merece uma nomeação ao Prémio AFP-Bendrihem. Já expôs as suas obras em Paris e Nova Iorque. Actualmente, está a concluir um livro dedicado a Lisboa.

A mostra, inaugurada esta tarde, pelas 18h30, na capela da Abadia (28, rue Münster), no Grund, na capital, insere-se no festival "Futebol, uma metáfora da condição humana" que aquele centro cultural está a promover enquanto decorre o Mundial.

A exposição pode ser visitada diariamente, entre as 11 e as 18h. Entrada livre. Mais informações, tel. 26 20 52-1 (ou em www.ccrn.lu).

segunda-feira, 14 de junho de 2010

Emprego: Taxa de desemprego em Portugal chegou aos 10,8% em abril

A taxa de desemprego em Portugal chegou aos 10,8 por cento em abril, com o país a subir uma posição e a registar a quarta taxa mais elevada da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE).

A percentagem da população ativa no desemprego em Portugal, medida pela OCDE, subiu 0,2 pontos percentuais em abril, face aos 10,6 por cento observados em março, alcançando um novo recorde dos últimos 20 anos.

Portugal ultrapassou assim a Hungria, que em março era o quarto país com a taxa de desemprego mais elevada.

O Governo português estima que Portugal chegue ao final do ano com uma taxa de desemprego de 9,8 por cento, projetando que a recuperação do mercado laboral se dê com mais intensidade no segundo semestre.

Aviação: Ryanair reforça operação no Porto com mais um avião e sete novas rotas

A companhia aérea de baixo custo Ryanair anunciou hoje um investimento de 70 milhões de dólares (57,7 milhões de euros) para reforçar a oferta no aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, com sete novas rotas e mais um avião.

“Vamos passar a servir o aeroporto do Porto com mais um avião, o que vai aumentar de dois para 2,5 milhões de passageiros anuais [o número de pessoas] para conhecer o norte de Portugal ou para viajar para outros sítios”, disse hoje Daniel de Carvalho, diretor de comunicação da Ryanair para a Europa.

Em declarações aos jornalistas, Daniel de Carvalho realçou que “em menos de um ano, após a instalação da base da companhia aérea [no aeroporto Francisco Sá Carneiro] a Ryanair aumentou a frota para quatro aviões e mais sete rotas”.

A partir de novembro, a Ryanair vai disponibilizar ligações para Barcelona (El Prat), Bolonha, Bremen, Maastricht, Marrakesh, Munich West (Memmingen) e Valência, elevando para 31 o número de rotas a partir do Porto, o que significa mais 30 voos semanais.

A ligação ao aeroporto El Prat, em Barcelona, vai iniciar-se com 14 voos semanais, Bolonha, Marraqueche, Munique e Valência com três e Bremen e Maastricht com dois.

Segundo a companhia aérea irlandesa, este investimento vai permitir aumentar o tráfego aéreo para 2,5 milhões de passageiros por ano e contribuir com mais 275 milhões de euros para as receitas turísticas da região.

Na conferência de imprensa, Daniel de Carvalho acentuou que “o crescimento no Porto é muito acentuado”, considerando que “pode ser um ‘case study’ muito importante”.

Em Portugal, a Ryanair tem duas bases – no aeroporto do Porto e de Faro – e, a partir de novembro, vão disponibilizar 61 rotas, prevendo transportar 3,7 milhões de passageiros.

O responsável da Ryanair está otimista em relação ao crescimento do volume de negócios até porque, realçou, “com o aumento dos impostos em Portugal temos tido mais pesquisas e o número de reservas cresceu”.

Para assinalar o aumento da oferta a partir do Porto, a Ryanair lançou uma promoção de 500 mil lugares a oito euros para vijar na Europa entre setembro e outubro, que estarão disponíveis para reserva até à meia noite de quinta feira.

Foto: Arquivo LW

Mundial2010: Queiroz evita polémica Nani e foca atenções na Costa do Marfim

O seleccionador português de futebol Carlos Queiroz escusou-se hoje a comentar as afirmações de Nani, que garantiu estar apto fisicamente em uma semana, vincando que é tempo de pensar apenas na estreia no Mundial2010.

Luxemburgo: Desempregados vão receber subsídio para formação de 753 euros

No futuro, as pessoas sem trabalho e que não usufruem de qualquer indemnização vão ter direito a um subsídio de 753 euros mensais para seguir uma formação. O montante é de 405,85 euros por mês para os menores de 18 anos.

A decisão adveio do Conselho de Governo de sexta-feira. Para beneficiar do subsídio de formação, o desempregado deve estar inscrito na Administração do Emprego (ADEM) e ter uma promessa de contratação por parte de um patrão caso termine a formação com sucesso. A formação não deve exceder o período de um ano. O subsídio é imediatemento cortado em caso de ausências não justificadas durante a formação.

Aulas no Instituto de Línguas vão ser mais caras

Doravante, qualquer pessoa interessada em frequentar on Instituto de Línguas, no bairro de Limpertsberg, na capital, terá de desembolsar 10 euros para a constituição de um simples dossiê de inscrição.

Uma vez admitido, o cidadão deverá pagar 100 euros (em vez de 90 euros) caso frequente um curso de duas aulas semanais, 135 para quatro aulas (em vez de 120 euros), e 170 euros para seis aulas (em vez de 150 euros).

Foto: Shutterstock

sábado, 12 de junho de 2010

Mister Cabo Verde-Luxemburgo eleito pela primeira vez esta noite

O Comité Mister Cabo Verde no Luxemburgo leva a cabo, pela primeira vez no país, a eleição do cabo-verdiano mais bonito do Grão-Ducado. É esta noite, dia 12 de Junho, no Centro Cultural de Colmar-Berg (rue de la Poste). A ideia nasceu de Arlindo Gonçalves, mais conhecido por DJ Atlântico, presidente e fundador do comité.

As portas da sala abrem logo pelas 20h, mas o primeiro desfile dos 14 candidatos começa pelas 21h.

Há três desfiles previstos: com roupa descontraída, fato de banho e fato de gala. Os concorrentes são penteados pelos cabeleireiros Filo e Palocas. A organização previu ainda animação com DJ Vielo, o grupo de dança "Etoile du Cap Vert", a actuação de uma jovem cantora cabo-verdiana e um desfile de lingerie, promovido pela revista luxemburguesa "Fashion".

Haverá também pratos típicos cabo-verdianos.

O evento conta ainda com o apoio da Armonia de Santiago (ADS).

As mesas perto da passerelle podem ser reservadas pelo tel. 621 215 670 ou 691 119 360.

Luxemburgo: Marchas de Santo António e Dia de Portugal festejados em Dudelange

Neste fim-de-semana de 12 e 13 de Junho, Dudelange acolhe três eventos: as Marchas de Santo António, a 13a Jornada de Folclore e, simultaneamente, as celebrações do Dia de Portugal.

O desfile das Marchas de Santo António, uma iniciativa do Rancho Folclórico Juventude Portuguesa de Dudelange e da autarquia local, tem lugar hoje, 12 de Junho, a partir das 19h45. Os participantes concentram-se junto à gare, local de onde parte o cortejo rumo ao edifício da comuna. No final do desfile, a festa continua com a actuação dos Zés Pereiras de Lintgen, do grupo de dança 100 % Tugas, dos ranchos folclóricos Províncias de Portugal, Juventude Portuguesa de Dudelange, Mocidade Portuguesa, Rancho Folclórico Estrelas do Mar, vindo de França, e do Grupo Etnográfico do Arneiro de Fora, que vem de Portugal.

No domingo, dia 13, decorre a 13a Jornada de Folclore, a partir das 13h30, na place de l'Hotel de Ville, com a participação do grupo Onda Norte, da APL-Wiltz, os ranchos folclóricos Juventude Portuguesa de Dudelange, de Remich, Campinos da União, de Uckange e o rancho vindo de Arneiro de Fora.

O baile, em ambos os dias, fica a cargo do conjunto Nova Era.

Luxemburgo: Jantar de solidariedade em Mertzig, hoje à noite

A associação "Main dans la main", sediada em Ettelbruck, organiza um jantar de solidariedade neste sábado, 12 de Junho, com baile e noite branca no restaurante Marso, em Mertizg, a partir das 19h.

Os lucros revertem a favor de associações e pessoas carenciadas. O jantar é constituído por dois pratos à escolha: gambas com alho ou lombo assado com molho de cogumelos. O preço é de 23 euros por pessoa. Mais informações, pelo tel. 691 823 090 ou 621 680 508.

UE/Parlamento: Cidadãos passam a ter direito a utilizar a sua língua em interrogatórios policiais ou audiências em tribunal

O Parlamento Europeu vota na próxima semana uma lei europeia que vai dar a qualquer cidadão fora do seu país de origem o direito de utilizar a sua língua em interrogatórios policiais ou audiências em tribunal.

Os deputados europeus reúnem-se em Estrasburgo (França) na habitual sessão plenária mensal do Parlamento Europeu (PE).

Um adepto de futebol do Reino Unido que seja detido em Portugal, ou vice-versa, vai ter direito a interpretação durante os interrogatórios policiais, durante as audiências em tribunal ou audiências intercalares e para as comunicações com o seu advogado, de acordo com uma nova diretiva (lei europeia) que vai ser votada na quarta feira.

Terá também direito a que todos os documentos essenciais do processo sejam traduzidos para uma língua que compreenda.

O Parlamento Europeu também deverá aprovar na quarta feira o Programa Europeu de Monitorização da Terra, que permitirá que terramotos, incêndios, inundações, derrames de petróleo e outras catástrofes sejam monitorizadas de forma mais rápida e eficiente no futuro.

Os deputados europeus irão ainda votar alterações à legislação europeia sobre a rotulagem dos alimentos, com vista a ajudar os consumidores a fazerem escolhas mais informadas.

A proposta torna a rotulagem obrigatória, com a indicação na parte da frente da embalagem do valor energético, matérias gordas, ácidos gordos saturados, açúcares e sal, ao que os eurodeputados acrescentam proteínas e fibras.

Por outro lado, os eurodeputados vão questionar a Comissão Europeia e o Conselho sobre a aplicação e eventual revisão da legislação europeia que proíbe o comércio de instrumentos destinados à tortura.

Os parlamentares são da opinião que a lista de equipamentos proibidos não é suficientemente exaustiva, defendendo a inclusão de matracas de picos, algemas de polegares e instrumentos que usam descargas elétricas.

O socialista português Vital Moreira, presidente da Comissão do Comércio Internacional do Parlamento Europeu, é um dos autores das perguntas.

Por seu lado, o eurodeputado social-democrata português Carlos Coelho vai recomendar ao plenário que aprove um projeto de decisão que constitui um primeiro passo para a abolição dos controlos nas fronteiras internas da UE com a Bulgária e a Roménia.

A eurodeputada comunista portuguesa Ilda Figueiredo vai apresentar um relatório sobre a avaliação dos resultados do Roteiro para a Igualdade entre mulheres e homens 2006-2010 e recomendações para o futuro.

Luxemburgo: Festa de solidariedade para ajudar mães solteiras adolescentes de Palmares, em Pernambuco (Brasil)

No domingo, 13 de Junho, assinala-se no Luxemburgo o Dia da Mãe. Nesse dia, a "Fundação Meninos e Meninas de Rua" decidiu organizar uma festa de solidariedade cujos fundos vão servir para renovar e equipar um edifício situado em Palmares, no estado de Pernambuco, no Brasil, que acolhe temporariamente mães solteiras adolescentes, enquanto estas não adquirem autonomia e independência.

Desde a sua criação, em 1993, esta fundação luxemburguesa luta para garantir educação, alimentação, saúde e higiene às crianças e adolescentes marginalizados ou que foram abandonados no Brasil, os chamados "meninos de rua".

A festa tem lugar no Centro Cultural de Munsbach, entre as 11h e as 18h, é aberta ao público, e conta com animação para miúdos e graúdos durante toda a tarde.

sexta-feira, 11 de junho de 2010

Mundial2010: Notas do Mundial

Curiosidades sobre o campeonato do Mundo de futebol de 2010, que se realiza na África do Sul, de 11 de junho a 11 de julho:

Jogadores sérvios pagam médica que usa métodos controversos
Uma médica sérvia, que utiliza gel à base de placenta de burra, na recuperação de jogadores, vai juntar-se este fim de semana à seleção sérvia de futebol que disputa o Mundial2010.

A federação sérvia não admite a presença de Mariana Kovacevic, mas assume que os jogadores decidiram pagar, eles próprios, os serviços da médica, que “ficará num hotel próximo da equipa, sob a máxima discrição”.

John Travolta na África do Sul para apoiar... a Austrália

O ator norte-americano John Travolta está na África do Sul para apoiar a seleção da Austrália no Mundial2010 e fazer uma doação à Fundação Nélson Mandela.

A viagem de cinco dias serve para juntar “diversão e caridade”, afirmou o ator, que é embaixador da boa vontade de uma companhia aérea australiana, e um fervoroso adepto dos “Socceroos”.

Sono durante o Mundial preocupa patrões chineses

O Mundial2010 está a preocupar os patrões chineses, que temem que muitos trabalhadores faltem ou adormeçam durante o trabalho, devido ao fuso horário entre a China e a África do Sul.

Muitos patrões queixam-se já de que há funcionários a pedirem dias de folga, com as mais variadas desculpas. “Um empregado pediu-me uns dias dizendo que a sogra estava com cancro no pulmão. Depois, descobri que queria ver os jogos”, contou o dono de uma agência de publicidade.

Zidane recebido em euforia em Joanesburgo


O antigo internacional francês Zinedine Zidane, assessor do presidente do Real Madrid, causou hoje agitação à chegada à África do Sul, onde vai assistir ao Mundial2010, com muita gente a querer vê-lo e a tentar um autógrafo.

Zidane, expulso na final do último Mundial, devido a uma cabeçada no italiano Materazzi, foi perseguido no aeroporto por muitos fãs, que se encontravam no aeroporto da capital sul-africana, gritando “Zizou, Zizou”.

Tatuagens “inundam” a “Squadra Azzura”

As tatuagens estão na moda em Itália e apenas cinco dos 23 jogadores da seleção campeã mundial de futebol não passaram ainda num tatuador, indica o jornal Gazzetta dello Sport.

Buffon, Bocchetti, Montolivo, Gilardino e Pazzini, os cinco jogadores sem tatuagens, são comparados pela Gazzetta, "aos pandas, uma espécie em vias de extinção".

Mundial aumenta venda de cerveja e de medicamentos para a ressaca

A cadeia de supermercados britânica Sainsbury’s prevê um aumento de 500 por cento na venda de pizzas e cervejas e um crescimento de 250 por cento nos medicamentos para curar a ressaca.

Uma outra empresa britânica estima vender cerca de 300 000 televisores, 800 000 bandeiras e... 50 000 cuecas com a Cruz de São Jorge.

Aumentos à função pública travam greve durante o Mundial

Os sindicatos da função pública e o Governo sul-africano anunciaram hoje ter chegado a um acordo sobre aumentos salariais que garante a não realização de uma greve durante o Mundial2010 (11 de junho a 11 de julho).

“O acordo entre os sindicatos e o Governo contribui fortemente para a criação de um clima favorável para que se realize com sucesso o Mundial”, declarou a ministra do Interior sul-africana, Nkosazana Dlamini-Zuma.

Os sindicatos da função pública exigiam um aumento salarial de 11 por cento, mas o executivo contrapunha 6,5 por cento.

Foto: Arquivo LW